31/10/2007

.
.
.
.
.
.
.
.
.
INVASÃO
.
.
. .

línguas

e

pernas
.
.

línguas pra falar
pernas pra andar
.
.
.
e um cheiro
de bergamota
que ganha a casa
.
.
nexo grupal
.
..
é nóis na fita
da poesia no apartamento
e os playboy no dvd
pirata
.
.
.
..
.
.
..

4 comentários:

Léo disse...

êta sabadão do dvd player. Essa onda meio haikai só pode ser do mateus, acho a poesia assim ganha uma força incrível, como algo condensado cujo significado explode em cada interpretação que se faz, indo além do que está na aparência. E a conexão de sentidos entre as partes?....

Bob disse...

PERDEU, PREYBOY!

legome disse...

ô Bob, vê se linka teu blog no nosso. Juntar forças para conquistar novos poetas.

legome disse...

É o encontro? Desencontro?
Nexo, que nexo?
O bem desmedido,
retorcido?

Playbou, playdeu.
Playbleu, playbaço,
playbolha, playmacho,
playcar, playgirl.