29/01/2012

Faço chuva dessa alma
Faço fogo desses olhos,
Sou tudo
menos calmaria.

Um comentário:

Anônimo disse...

Bonito.